O vereador Agnaldo Silva protocolou junto ao Gabinete do Prefeito, na última sexta-feira (19/06), requerimento no sentido de que o Executivo faça um REFIS das dívidas ativas de contribuintes e empresas, levando-se em conta os transtornos financeiros causados pela pandemia de COVID-19.

No requerimento, o parlamentar lembra que “as medidas de segurança (primeiro de isolamento, e posteriormente de distanciamento), em face da COVID-19, tiveram, têm e terão reflexo para todos os empresários, empreendedores e, principalmente, os munícipes”.

Na avaliação de Agnaldo Silva, mesmo com a volta à normalidade, a “nova realidade” imposta pela pandemia vai resultar em lenta recuperação financeira, além de ainda não haver previsão de retorno à normalidade.

Nas palavras do vereador Agnaldo Silva, a situação “terá reflexos por anos, até que se consiga estabilidade financeira”. Por isso ele requer que o prefeito Paulo Piau determine os estudos necessários visando a promover o REFIS das dívidas ativas, entendo que a medida permitirá que cada segmento com esse apoio consiga atingir a estabilidade financeira.

“Devido à pandemia de COVID-19, todos os empresários e nossos contribuintes estão com dificuldades financeiras. Então, o REFIS é uma oportunidade que o município estará dando para que eles quitem ou parcelem suas dívidas”, sintetiza Agnaldo.

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020