Borjão apresenta requerimento sobre Assédio Moral

O vereador também recebeu resposta do presidente do PMDB sobre infidelidade partidária

Após ter retirado o Projeto de Lei, de sua autoria, sobre o Assédio Moral, e transformado o mesmo em requerimento, o vereador Marcelo Machado Borges, o Borjão (PMDB), solicitou o apoio dos colegas parlamentares na apresentação do documento, onde solicita o envio para a Câmara de projeto com o mesmo tema. Os vereadores aprovaram a iniciativa de Borjão e também assinaram o documento que será encaminhado ao prefeito em exercício Paulo Mesquita.
Preocupado com a situação, Borjão lembra que já recebeu em seu gabinete várias denúncias de servidores públicos.  “É uma vergonha. Temos que combater este mal. Peço que o prefeito Paulo Mesquita encaminhe o projeto a Casa, pois vindo do Executivo será constitucional. Peço que todos os vereadores se unam a mim nesta iniciativa, que é de suma importância para o servidor que, muitas vezes, se sente coagido, humilhado e sem ter saída diante de situações constrangedoras imputadas por seus superiores hierárquicos”, destacou, afirmando que quem quiser conhecer sua proposta sobre o assunto poderá acessar o seu site: www.vereadorborjao.com.br
Resposta – Hoje também foi lido em plenário, a resposta do presidente do PMDB, Antônio Andrada, relativo ao requerimento encaminhado por Borjão, questionando o posicionamento do partido no que diz respeito à infidelidade partidária. No documento, Andrada reforça a Resolução nº 02, aprovada pela Comissão Executiva Estadual do PMDB, em 09 de agosto de 2010 que trata da questão e informa a direção do partido em nível estadual e todos os órgãos municipais e também aos ocupantes de cargos eletivos pelo partido que se “torna obrigatório o apoio a candidaturas majoritárias do PMDB e coligações, bem como aos candidatos à eleição proporcional (Deputados Federais e Estaduais), sob pena de ser instaurado processo disciplinar pelo órgão competente, nos termos do Estatuto e Código de Ética”. Para Borjão, é preciso que o partido analise a conduta de alguns membros no tocante a eleição de 03 de outubro, pois estão desobedecendo o estatuto do partido.

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020