Borjão consegue compromisso de rever salários dos diretores escolares
O salário dos diretores de unidades escolares e pedagogos deverá ser reajustado. Existe uma distorção sem respaldo legal já que seu teto salarial é vinculado diretamente aos vencimentos dos diretores de departamento da PMU. A informação foi da secretária de Educação Silvana Elias essa semana, em reunião marcada pelo vereador Marcelo Machado Borges – Borjão juntamente com representantes da categoria, inclusive o presidente da Associação dos Diretores, Sidney  Luiz da Costa e o presidente do Sindemu, Adilslau Leite da Silva. Foi entregue uma pauta de reivindicações. 
Outra conquista foi a garantia do pagamento integral das férias de janeiro de 2013 e 2014. No caso das eleições, se não for fechado o processo até janeiro, a Secretaria deverá se reunir com os diretores para buscar caminhos. 
Em ofício o vereador solicita providências no sentido de rever os valores pagos aos diretores já que a  administração anterior estipulou um "teto" para a categoria, sem respaldo legal,  sob a alegação de que o valor dos salários dos diretores das unidades escolares – que variam entre R$ 1.800,00 e R$ 3.800,00 – não poderia ser superior ao percebido pelos diretores de departamento da Prefeitura como um todo. O diretor de escola recebe o salário de professor, mais a diferença para alcançar o tal "teto".  Com o reajuste de 9,75%  no salários dos professores, essa diferença foi reduzida drasticamente, pois o valor desse "teto" continua o mesmo.  "São atividades de natureza diferente e fonte de recursos diversa", destacou o vereador Borjão.
Jornalista Maria Cândida Sampaio
Assessoria do vereador Marcelo Machado Borges – Borjão

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020