Borjão pede anistia parcial para cidadãos multados

Ainda dentro do tema anistia, Agnaldo Silva também pede o benefício para proprietários de construções irregulares

Devido ao número de reclamações que chegam, diariamente, aos gabinetes dos vereadores, em relação as multas impetradas pela prefeitura, principalmente, no que tange o Código de Limpeza Urbana e Código de Postura, o vereador Marcelo Machado Borges, o Borjão (PMDB), preparou requerimento, onde solicita ao Executivo uma anistia parcial para os multados, ou mesmo descontos. Borjão afirmou que está preocupado com esta situação, que vem se arrastando por meses, enquanto a população não agüenta mais ser penalizada. Durante seu pronunciamento, ele citou a coluna Alternativa do Jornal da Manhã, da jornalista Lídia Prata, que relata caso de um cidadão que foi multado devido a um defeito no muro. “Olha aonde chegamos. Um defeito no muro agora gera multa. As pessoas não agüentam mais. Tem gente que é multada que não tem a mínima condição de pagar e, em alguns casos, nem fazer a benfeitoria, pois não tem condição financeira. Peço ao Executivo que avalie nosso pedido”, disse.
O vereador democrata, Itamar Ribeiro de Rezende, afirmou que agora que não chove, e que o mato não está crescendo com mais velocidade, a prefeitura busca outras formas de arrecadar. “A sanha arrecadadora não para. Quando o mato tava crescendo era uma coisa, na seca eles buscam outro meio de multar. Não tem bom senso, só pensa na arrecadação”, afirmou. 
Imóveis – O vereador Agnaldo Silva, também encaminhou pedido de anistia para a prefeitura. O parlamentar quer anistia para os proprietários de construções irregulares, que buscarem solução junto a prefeitura, procedendo com a  regularização do imóvel.

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020