O vereador faz uma série de questionamentos e cobra a resposta de requerimento encaminhado em setembro

 

Explicações sobre possível privatização da Companhia de Desenvolvimento de Informática de Uberaba (Codiub) voltaram a ser cobradas ontem pelo vereador Marcelo Machado Borges – Borjão (DEM) em Plenário. Ele aprovou Requerimento em que questionaos motivos pelos quais não houve resposta à solicitação com o mesmo teor feita em setembro do ano passado.

Uma série de perguntas foi apresentada pelo legislador, entre eles, qual a forma de abertura de capital e qual o investimento da empresa privada e os parâmetros dessa venda, assim como o percentual e valores das cotas a serem comercializadas.  Ele também pergunta sobre a existência de interessados e em caso de positivo se uma das empresas seria a Algar Telecom ou alguma outra do mesmo grupo e se há previsão de algum tipo de investimento em tecnologia a ser feito.

Borjão quer saber também se a Prefeitura pagou a dívida que tinha com a Codiub que, conforme dados que lhe foram repassados, seria de R$4 milhões.  “Caso positivo, quando isso ocorreu? Caso negativo, por que a dívida não foi paga e quando a Prefeitura pretende pagar?”, questiona ao solicitar o encaminhamento de planilhas com valores devidos à Codiub.

Noutra parte do ofício, o vereador destaca o serviço prestado à Prefeitura como a colocação à disposição de equipamentos, a implantação do agendamento eletrônico na Saúde e questiona se estão funcionando bem e como é feita a remuneração: se por meio de pagamentos ou de investimentos em estrutura.

Por fim, ele questiona se com a abertura de capital a empresa terá poder de decisão dentro da Codiub. O vereador disse que a população merece saber o que realmente está acontecendo na Companhia e que, por isto, aguarda a resposta por parte do Executivo.

 

Jorn. Márcio Gennari

Departamento de Comunicação

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020