A Prefeitura vai desenvolver um "Programa de Políticas Públicas para o Homem do Campo" no bairro Santa Fé. Os vereadores aprovaram o Projeto de Lei, de autoria do Executivo, que autoriza a criação através da Secretaria Municipal de Agricultura.

O objetivo é fortalecer as agrovilas, procurando meios de se organizar, com vistas à obtenção de melhorias socioeconômicas, para que a comunidade se desenvolva com a devida qualidade de vida, com sustentabilidade,emprego e renda. Com isso, a administração municipal espera que os moradores permaneçam no campo. O secretário municipal de Agricultura, Danilo Siqueira, a secretária municipal de Educação, Silvana Elias, bem como a assessora do prefeito nas comunidades rurais, Rosângela Crosara, acompanharam a votação no Plenário.

O programa aprovado pela CMU será inserido dentro do Programa Agrovila, já desenvolvido pela secretaria. Para isso, serão utilizados seis galpões que eram destinados a alojamentos da Usina Uberaba e que atualmente se encontram desativados. Os imóveis estão sendo cedidos pela usina em comodato(empréstimo) pelo período de dez anos.

A comunidade rural de Santa Fé, situada a 26 quilômetros da cidade, é a maior agrovila de Uberaba, que ocupa uma área de 546 hectares,parcelada em 900 lotes.

Atualmente a agrovila conta com aproximadamente 200 casas e cerca de 1000 moradores. O bairro não tem posto de saúde e a creche funciona em prédio alugado com condições precárias de atendimento às 50 crianças moradoras do local, com idades de 0 a4 anos.

Através do programa, no bairro serão instalados diversos serviços públicos como creche, posto de saúde, posto policial, equipamentos de esporte e lazer, cursos profissionalizantes, entre outros. Além disso, o programa será realizado em ação conjunta, envolvendo várias secretarias. No caso da Saúde,será responsável pela implantação de uma unidade de atendimento médico e odontológico sistematizado. A Secretaria de Educação e Cultura vai realizar a implantação de um Centro Municipal de Educação Infantil (Cemei), para atendimento de crianças de 0 a4 anos.

Quanto à Secretaria de Desenvolvimento Social, será implantado um Programa de Atenção Integral à Família, com atendimento sócio-assistencial por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). A Agricultura vai trabalhar com o fortalecimento do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf), gerando emprego e renda.

Já a Secretaria de Esporte e Lazer terá a responsabilidade de implantar o programa "Boa Praça Boa Forma" e "Esporte e Participação" como oferta de práticas desportivas e recreativas, enquanto a Secretaria de Trânsito vai atuar com a implantação do Programa Trabalho de Prevenção e Inteligência,através de palestras educativas sobre segurança pública e desenvolvimento de ações de auto-segurança.

De acordo com o Projeto, a vigilância do local será realizada por meio de contrato subsidiado pela Associação de Moradores da Comunidade de Santa Fé.

Em 2013 o vereador Marcelo Machado Borges – Borjão (DEM) já havia solicitado ao prefeito Paulo Piau, através de Requerimento, a construção de um Cemei na comunidade. Ele tomou a iniciativa pela importância do alcance social,uma vez que várias famílias que residem no local trabalham e não têm onde deixar os filhos.

Os vereadores aprovaram três emendas. A Comissão de Orçamento e Finanças, através do presidente Afrânio Cardoso de Lara Resende (PROS) (foto), o relator Samuel Pereira (PR) e o vogal Edcarlo dos Santos Carneiro – Kaká Se Liga (PSL), apresentaram uma emenda modificativa ao artigo 7º, acrescentando que a abertura de crédito especial deverá ser feita "através de lei específica", caso seja necessário.

Outra emenda modificativa, de autoria do vereador João Gilberto Ripposati (PSDB), acrescentou a cultura entre as ações a serem implantadas pelo programa. O mesmo vereador apresentou uma terceira emenda, também modificativa,que apenas acrescentou um número a texto do artigo 3º.

A vereadora Denise Max (PR) se manifestou, dizendo que achou o programa fantástico e espera que o mesmo seja estendido a outras comunidades rurais.

Para Kaká Se Liga, tudo que puderem fazer ainda é pouco, pois a comunidade merece muito mais. Já o presidente do Legislativo, vereador Elmar Goulart, disse que o programa é fantástico, mas demonstrou preocupação com uma possível evasão do bairro Santa Rosa. Ele lembrou, inclusive, o problema que já aconteceu com a escola do local.

Elmar Goulart também aproveitou para pedir uma atenção especial para a Escola Vicente Alves Trindade, de Santa Rosa, que está precisando de investimentos.

Sobre a questão do esvaziamento de Santa Rosa, Silvana Elias afirmou que a hipótese está descartada. A secretária, falou, ainda, sobre a impossibilidade de transportar as crianças de Santa Fé para outro local e a necessidade de ter um Cemei com estrutura naquela comunidade.

O secretário Danilo Siqueira também foi otimista e finalizou, “queremos fazer com que as agrovilas sejam cada vez melhores, para que as famílias permaneçam no campo”.

O Projeto foi aprovado sem votos contrários.

Departamento de Comunicação 

SIGA A CÂMARA

  • (34) 3318-1700

    Praça Rui Barbosa, 250 - Centro

    CEP.: 38010-240

    Uberaba - MG

  • FACEBOOK

    Acesse nossa página no Facebook, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • YOUTUBE

    Acesse nosso canal no YouTube, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • FLICKR

    Baixe as fotos do dia-a-dia da Câmara Municipal de Uberaba no Flickr oficial

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020