CMU aprova projetos que beneficiam entidades sem fins lucrativos

Durante a sessão ordinária de hoje (16/09), os vereadores aprovaram três Projetos de Lei que beneficiam entidades sem fins lucrativos de Uberaba. Na matéria de nº 137/10, foi declarada de utilidade pública a Associação Centro de Formação e Renovação de Vida (Renovavida), que cuida de dependentes químicos, com funcionamento no bairro Alfredo Freire.  A entidade não tem fins econômicos e é comunitária, tendo sido fundada em 09 de agosto de 2009. São abrigados no local, em regime de internato, pessoas dependentes de substâncias psicoativas, que buscam a recuperação de sua saúde integral. Segundo representante da entidade, Dos Reis Rodrigues de Souza, a entidade acolhe, orienta  e acompanha também a família do dependente em tratamento ou não, e em situação de risco ou vulnerabilidade social. O projeto foi de autoria do vereador Samuel Pereira (PR), que destacou a importância da entidade, visto que o avanço das drogas no município exige o funcionamento de entidades sérias e aptas a atender a demanda de dependentes da cidade.
Social – Também foi declarado de utilidade pública o Lar Espírita Irmã Valquíria. A entidade, segundo a diretora, Maria Elizete da Silva, atua na área social, trabalhando com as atividades espíritas como, evangelização, sopa, doação de alimentos e confecção e distribuição de enxovais para recém nascidos. Ainda na entidade são oferecidos cursos profissionalizantes como, manicure, costura, montagem de enxoval e no próximo mês de arte culinária. O vereador Almir Silva (PR), autor do projeto, afirmou ser testemunha do trabalho da entidade, que atende centenas de cidadãos. Ele explicou que a entidade é uma associação civil de direito privado, de caráter científico, filosófico e religioso, sendo beneficente, educacional, cultural e de assistência social. O Lar foi fundado em 16 de novembro de 2002, e fica situado a Rua Araponga, 859, Valim de Melo II.
Educacional – Por iniciativa do vereador Prof. Carlos Alberto de Godoy (PTB), também foi declarado de utilidade pública o Rotary Club de Uberaba – Portal do Cerrado. A associação não tem fins lucrativos, sendo de direito privado, fundada em 15 de dezembro de 2004. Segundo Godoy, o Portal do Cerrado tem como objetivo, o desenvolvimento do companheirismo como elemento capaz de proporcionar oportunidades de servir, o reconhecimento do mérito de toda ocupação útil e a difusão das normas de ética profissional, a melhoria da comunidade pela conduta exemplar e a aproximação dos profissionais de todo o mundo, visando à consolidação das boas relações, da cooperação e da paz entre as nações. As entidades que foram declaradas de utilidade pública poderão, a partir de agora, requerer apoio financeiro da prefeitura de Uberaba.

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020