Projeto assinado pelo vereador Cleomar Marcos de Oliveira – Barbeirinho (PHS), que declara de utilidade pública o Instituto Revelare, foi aprovado nesta manhã (21) no Legislativo.

José Humberto Ramos, presidente do instituto, esteve presente na sessão para defesa da matéria. “Somos uma associação civil de direito privado, de caráter educacional, sem fins econômicos e lucrativos, fundada em 14 de dezembro de 2015. Entre nossas ações, promovemos atividades de ensino, pesquisa e desenvolvimento, de cunho científico, cultural e artístico, no âmbito da religiosidade e espiritualidade; elaboramos e coordenamos projetos e serviços sociais direcionados à sociedade carente promovendo a assistência social, beneficente e o voluntariado; promovemos os valores humanos universais: não violência, paz, ação correta, amor e verdade e cidadania, e outros como: ética, responsabilidade, simplicidade, bondade, disciplina e ordem, integridade, dignidade, prudência, serviço ao próximo, generosidade, devoção, gratidão, caridade, perdão, compaixão, compreensão, simpatia, igualdade, alegria, espírito de sacrifício e renúncia, fraternidade, cooperação,

solidariedade, respeito à natureza e às diferentes raças, culturas e religiões”, disse. A sede da entidade localiza-se na rua Alfém Paixão, nº 1.074, bairro Mercês.

 

PR 42/19 – Projeto que altera a Resolução nº 2.363/2006, que dispõe sobre o Regimento Interno da Câmara Municipal de Uberaba, versando sobre a criação da comissão do Cooperativismo, foi retirado de pauta. A proposta, assinada por Agnaldo Silva (PSD) e Ismar Vicente dos Santos – Marão (PSD), será analisada na sessão do próximo dia 23.

 

Jorn. Karla Ramos

Dep. Comunicação da CMU

21/10/2019

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020