Em tribuna, Centro Acadêmico repudia fechamento do curso de Ciências Sociais
Através de requerimento do vereador Lourival dos Santos (PC do B), Maria Olinda, representante do Centro Acadêmico “Florestan Fernandes”, do curso de Licenciatura e Bacharelado em Ciências Sociais do Instituto Federal do Triângulo Mineiro – IFTM Campus Uberaba, ocupou a tribuna na terceira sessão ordinária do mês, repudiando o fechamento do  referido curso. 
Segundo ela, após questionamento dos alunos sobre o fato de o sítio do IFTM não incluir vagas para o curso de Ciências Sociais para o vestibular 2013, o coordenador Wagner Oliveira apresentou como justificativa seguir determinações da Secretaria Profissional e Tecnológica – SETEC, do Ministério da Educação, argumentando que o curso não consta nos catálogos de cursos nem sendo prioridade dos Institutos, cujo foco seria educação profissional e tecnológica. 
Mais justificativas vieram por parte do diretor do Campus Uberaba, Rodrigo Afonso Leitão, como busca de linhas de identidade e foco da instituição e problemas com o perfil dos docentes, ressaltando, segundo Maria Olinda, não se tratar de fechamento, mas apenas de retiradas de vagas para o vestibular 2013 em específico. Mas, a representante do diretório garante que os alunos discordam dos argumentos e, para isso, resolveram se mobilizar a fim de manter o curso, propondo, então, um debate.
“Não concordamos por vários motivos. Os Institutos possuem autonomia para abertura e fechamento de cursos; a política pública educacional do governo federal prioriza os cursos de formação de professores; não existe justifica pautada na falta de demanda na formação dos docentes; o investimento na criação de um curso é alto; todos os alunos formados foram aprovados em concurso público, obtendo inclusive primeira colocação”, destaca Maria Olinda, relembrando que a medida foi tomada sem qualquer discussão com a comunidade acadêmica e uberabense. 
Lourival observou que o reitor já fez isso com outro curso – Desenvolvimento Social – e hoje age da mesma forma, tolhendo a oportunidade da comunidade se preparar para um discurso social. “Acho importante esse questionamento e cobrar dos nossos parlamentares um apoio para mudar essa situação. É importante um empenho dos deputados. Fica nosso compromisso.”
Já Ripposati (PSDB) propôs um encaminhamento solicitando à Comissão de Educação do Congresso Nacional a realização de uma audiência pública em Uberaba, a fim de discutir junto aos interessados essa questão. “Não podemos perder o que já temos. É muito positiva essa discussão democrática, feita também por meio de uma audiência.”
Para o vereador professor Godoy (PTB) é preciso pelo menos uma discussão. “Numa tentativa de salvamento do Cesube, buscamos ajuda ao IFTM. Mas não foi encontrado mecanismo técnico para isso. Também quero um Ofício para que a Reitoria ocupe a tribuna e justifique a ação. O curso é importante. A luta não será apenas para não fechar o curso, mas também para buscar o oferecimento de uma pós e um doutorado na área. É uma questão de ordem local, porque a instituição tem autonomia para isso”, esclarece. 
O vereador Marcelo Borges (DEM) apoiou a ação, chamando de “falta de respeito para com os alunos”. “Essa proposta de ouvir a reitoria é a mais adequada. Não temos que recorrer aos deputados porque nós podemos buscar a solução por aqui mesmo”, disse. 
Cléber Ramos (PMDB) lembrou da sua participação na implantação do Instituto, colocando-se à disposição e deixou para os representantes do Centro Acadêmico a escolha da ação a ser tomada. “Sendo aqui a casa de vocês, sintam-se a vontade para falar, porque decisões tomadas entre quatro paredes precisam sim ser questionadas”, observou.

SIGA A CÂMARA

  • (34) 3318-1700

    Praça Rui Barbosa, 250 - Centro

    CEP.: 38010-240

    Uberaba - MG

  • FACEBOOK

    Acesse nossa página no Facebook, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • YOUTUBE

    Acesse nosso canal no YouTube, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • FLICKR

    Baixe as fotos do dia-a-dia da Câmara Municipal de Uberaba no Flickr oficial

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020