A Câmara Municipal de Uberaba inicia suas sessões de março na próxima segunda-feira (09) com dois projetos em pauta. As matérias são assinadas por Ismar Marão (PSD) e Agnaldo Silva, respectivamente.

O presidente do Legislativo defenderá proposta que determina que empresas, que pretendam obter benefícios fiscais junto ao município, mantenham em seus quadros de funcionários um percentual de pessoas com deficiência, assim como residentes e/ou com domicílio em Uberaba.

Segundo Marão, a proposição tem como objetivo estabelecer dois novos critérios no processo: que a empresa beneficiada se comprometa à contratar e manter, em seu quadro de funcionários, um percentual mínimo de 50% de pessoas com residência e/ou domicílio em Uberaba [mediante comprovação semestral por parte da pessoa contratada]; e que a empresa beneficiada se comprometa a contratar e manter em seu quadro de funcionários um percentual mínimo de 30% de pessoas com deficiência. “As medidas asseguram e incentivam o ingresso no mercado de trabalho de pessoas com deficiência, tema de grande importância e relevância social. Todo deficiente tem direito à igualdade de oportunidades com as demais pessoas. Acredito que as empresas que dão oportunidade para esses profissionais acabam ganhando certa visibilidade, e, consequentemente, destaque no mercado. Isso porque as pessoas estão cada vez mais preocupadas e interessadas em se relacionar com aquelas empresas consideradas politicamente corretas”, disse Marão.

O outro projeto, assinado por Agnaldo Silva, declara de utilidade pública a “Associação em Movimento para Edificação de um Mundo Melhor”. A sessão começa às 8h30, no plenário da Casa.

 Jorn. Karla Ramos

Dep. Comunicação da CMU

06/03/2020

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020