Procon afirma que CEMIG não respeita consumidores

O Coordenador do Procon, Sebastião Severino Rosa, convidado de hoje da Câmara, por iniciativa do vereador Almir Silva, afirmou que a CEMIG, não respeita os consumidores uberabenses. Os representantes da companhia, também convidados para participar não compareceram, ligando durante a reunião alegando problemas. Ao ser questionado pelos vereadores, Rosa foi enfático  ao afirmar que a CEMIG é alvo de dezenas de reclamações que vão desde de cortes irregulares a falta de prestação de serviço. “Se a Cemig é a melhor energia do Brasil, não quero conhecer a pior. A população tem reclamado constantemente e, com certeza a companhia será alvo de multas, pois não tem respeitado o consumidor e nem feito seu trabalho de maneira correta”, destacou.
Quando os vereadores perguntaram sobre o atendimento eletrônico, Severino Rosa, também informou que a comunidade tem “muita dificuldade para falar com a companhia, haja vista que o 106 e o 0800, não atendem a necessidade do cliente”.
Devido a ausência de representantes da CEMIG, para ampliar o debate, ficou marcado o possível retorno de Severino no dia 17/11, data em que as agendas poderiam ser conciliadas.
Bancos – Aproveitando a presença do representante do Procon, os vereadores Itamar Ribeiro de Rezende, Almir Silva e Afrânio Cardoso de Lara Resende, autores de Lei que tratam de adequações nos bancos da cidade, como por exemplo, a disponibilização de cadeiras, tapumes para proteger as transações bancárias no caixa e a instalação de câmeras de segurança no entorno do banco, questionaram Severino sobre a fiscalização.
Segundo o coordenador, alguns bancos estão atendendo a Legislação parcialmente, mas que muito ainda tem que ser feito. Ele explicou que um decreto está sendo elaborado para definir como devem ser feitas as adequações e também definindo o valor das multas que serão impostas aos bancos quando forem detectadas as irregularidades.
Combustível – Outra fala contundente do plenário, foi feita pelo primeiro secretário Luiz Humberto Dutra (PDT). Para o parlamentar é claro o cartel que se existe nos postos de combustível. Dutra revelou que conversou com um frentista de posto na Rua João Pinheiro, que sempre fazia promoções, o motivo de ter acabado com a política de preço diferenciado. “Segundo o frentista, o pessoal do posto sofria ameaças e eram pressionados para igualar o preço com de outros postos. Isso é um absurdo”, avaliou.
Segundo Severino, o Procon tem acompanhado esta questão, mas avaliou a situação como complicada.

SIGA A CÂMARA

  • (34) 3318-1700

    Praça Rui Barbosa, 250 - Centro

    CEP.: 38010-240

    Uberaba - MG

  • FACEBOOK

    Acesse nossa página no Facebook, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • YOUTUBE

    Acesse nosso canal no YouTube, acompanhe o dia-a-dia e as notícias de última hora, interaja e participe.

  • FLICKR

    Baixe as fotos do dia-a-dia da Câmara Municipal de Uberaba no Flickr oficial

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020