Ex-presidente da Cohagra, Samir Cecílio diz que entre 2005 e 2012 foram entregues quase 15 mil unidades habitacionais em Uberaba

Informações contidas em publicidade oficial da Prefeitura de Uberaba relativas à habitação estão sendo questionadas pelo ex-presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande (Cohagra) e vereador, Samir Cecílio Filho (PSDB). Esta semana ele distribuiu aos seus pares no parlamento cópia de correspondência enviada ao prefeito Paulo Piau em que esclarece sobre o número de unidades habitacionais construídas no período de 2005 a 2012, que estão sendo divulgados de forma errada nos anúncios oficiais.

Enquanto a propaganda diz que neste período  foram construídas apenas 2.222 unidades pelo faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, levantamento realizado pela assessoria do legislador indica que foram entregue quase 4 mil unidades nesta faixa e que outros oito empreendimentos, somando mais 5,8 mil casas, ficaram com protocolo assinado para o atual governo.

O vereador esclarece na correspondência que dados da Caixa Econômica federal e do Banco do Brasil indicam que os números constantes na divulgação estão, no mínimo, equivocados. “Não tenho a pretensão de me colocar como grande realizador das obras divulgadas, no entanto, me permita discordar das informações contidas em sua propaganda, amplamente divulgada em diversos veículos de comunicação”, ressalta o vereador na correspondência enviada ao Prefeito.

Junto com o documento foi anexado quadro em que mostra que no período de 2005 a 2012 foram construídas 14.845 unidades habitacionais em Uberaba por meio dos programas habitacionais do Governo Federal. Somente pelo Minha Casa Minha Vida, nas duas faixas, são mais de 10 mil unidades, sendo que no faixa 1, imóveis destinados a mutuários com renda de zero a três salários mínimos, foram 3.880 casas.

Além disso, o levantamento revela que os protocolos dos empreendimentos Residencial Anatê 2, Alfredo freire 4, Residencial Rio de Janeiro (A, B e C), Ilha de Marajó, Isabel do Nascimento, Parque dos Girassóis 3, Parque dos Girassóis 4 e Jardim Marajó (1 e 2)  foram assinados nos anos de 2011 e 2012, num total de 5.861 unidades do faixa 1. “Todas as tratativas entre Cohagra, empreendedores e agentes financeiros (Caixa Federal e Banco do Brasil) tiveram início ou foram concluídas neste período”, afirma Samir.

Ao entregar cópias da correspondência aos demais vereadores, Samir disse que não faria questão que a publicidade da Prefeitura omitisse esses números, mas que também não informasse de forma errada. Ele cita que a divulgação comete injustiça com, pelo menos, dois vereadores que comandaram a Cohagra no período: Luiz Dutra e Samir Cecílio.

 

Márcio Gennari

Dep. Comunicação

21/08/2015

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020