Vereadores cumprimentam Tony Carlos

Eleito vereador no ano de 1988, aos 23 anos de idade, na época o mais jovem vereador do país, Antônio Carlos Silva Nunes – Tony Carlos (PMDB) foi eleito o segundo vereador mais votado nas eleições de outubro de 2012, com 5.984 votos. Foi Presidente do Legislativo em 2005, sendo um dos seus trabalhos mais marcantes a restauração do Paço Major Eustáquio. É autor de diversas leis, dentre elas, a padronização visual dos táxis, obrigatoriedade do uso de sachês de maionese e catchup nos estabelecimentos de alimentação, além da gratuidade para andar de ônibus a partir dos 60 anos e a instituição do Restaurante Popular, ambas em parceria com a ex-vereadora Marilda Ribeiro. 
Tony disputou a última eleição para deputado Estadual, tendo sido o mais votado em Uberaba, com 33 mil votos, ficando na condição de terceiro suplente do PMDB. Em decorrência do falecimento do deputado José Henrique Lisboa Rosa, pode assumir como deputado estadual na Assembleia Legislativa.
Durante a reunião ordinária de terça-feira (20), todos os vereadores presentes manifestaram cumprimentos ao Tony Carlos, que em breve poderá compor o parlamento da ALMG.
O vereador Luiz Dutra (PDT) ocupou a tribuna do Plenário, com o seguinte ditado: ‘água mole em pedra dura, tanto bate até que fura’, e disse que pela insistência de Tony Carlos conquistou mais uma vitória na sua vida política. “Estou falando de um político guerreiro, lutador, corajoso, que enfrenta situações para defender suas ideias. Aprendi muito com você. Não é por acaso que as pessoas passam por nossas vidas, e você deixará bons exemplos nesta Casa”. Acrescentou que enquanto deputado fará um trabalho magnífico na ALMG e em especial à Uberaba. “Iremos bater à porta do seu gabinete com frequência em busca de benefícios para o povo carente e para o progresso de nossa cidade”, disse.
O vereador Ismar Vicente dos Santos – Marão (PSB) ressaltou o grande amigo e professor que viu em Tony Carlos e que foi um privilégio trabalhar e aprender com ele durante este ano. “Passei a admirá-lo como pessoa, como político polêmico, mas sempre acobertado pela verdade e honestidade”, destacou.
“Tive a honra de estar com Tony no seu primeiro mandato como vereador, na administração do prefeito Hugo Rodrigues da Cunha; mesmo jovem já demonstrava ser um político autêntico e sempre ao lado dos menos favorecidos. Hoje sua estrela brilha mais uma vez”. Estas foram as palavras do vereador Paulo César Soares – China (PSL). Acrescentou que esta é a grande oportunidade que Tony tem para mostrar sua capacidade e sua inteligência para Minas Gerais e para o país, inclusive, até voltar a trabalhar a possibilidade de emancipar o Triângulo Mineiro. China falou também que é o momento de, enquanto estiver na ALMG, estudar melhor a criação da Região Metropolitana. Aproveitou e pediu para que reforce junto ao governador a construção do viaduto das avenidas Orlando Rodrigues da Cunha e Padre Eddie Bernardes.
Já o vereador Franco Cartafina (PRB) disse que busca em Tony Carlos aprendizado diário, e que se tornou um inspirador para suas atitudes e ações e que a população conta com seu trabalho e empenho para melhorar a cidade em todos os setores.
O vereador Edcarlo dos Santos Carneiro – Kaká Se Liga (PSL) iniciou seu pronunciamento lamentando a morte do deputado José Henrique e ressaltou que a CMU ficou pequena pelo seu conhecimento e vasta experiência de Tony Carlos e para Uberaba é gratificante ter três deputados na ALMG. Destacou a vinda de Denise Max que ocupará a cadeira de Tony, que representa um segmento fantástico, bem como vem representar a classe feminina de Uberaba. “Os deputados irão se surpreender com o primeiro discurso de Tony Carlos, que tão bem sabe colocar as palavras”, disse.
O vereador Afrânio Cardoso Lara Resende (PP) ressaltou que algumas pessoas não tem noção do quanto será importante sua presença na ALMG. “Com sua capacidade e vontade Uberaba ganhará muito e se prepara para a reeleição no próximo ano e que sabe ser o nosso prefeito”, declarou.
“Na vida nada acontece por acaso, e nada como um dia após o outro. Você construiu esse momento”. Assim iniciou o pronunciamento do vereador Samir Cecílio (PR). Ressaltou que hoje o Tony se torna deputado estadual e sua vida irá mudar. Disse que há poucos dias ele estava preocupado com o sonho de se tornar deputado e acrescentou que neste momento ele está saindo a candidato a reeleição e certamente será reeleito. Ressaltou que Tony aprendeu a ser deputado, “você encarna um verdadeiro deputado, faz o papel de deputado sem ser. Às vezes, quando você está discursando eu sinto que no íntimo pensa: eu tinha que estar lá e agora está. Você será o deputado que irá fazer a diferença”, disse
João Gilberto Ripposati (PSDB), disse que Tony tem um sentimento que comove a todos quando fala do seu amor por Uberaba: “é esse amor que queremos na Assembleia”. Ressaltou que muitos políticos distanciam da população quando alcançam esse poder político, mas em Tony disse que percebe a diferença de que vai honrar o compromisso pelo amor que tem por esta cidade. “Logicamente, em suas emendas parlamentares, Uberaba sempre estará em prioridade”.
O vereador Samuel Pereira (PR) iniciou suas palavras na parábola bíblica “Não temas, nem te desanimes, porque o meu Deus há de estar contigo; não te deixará, nem te desampara” (Primeiro Livro de Crônicas 28:20). Desejou boas vindas a Denise Max, e comungou com as palavras dos demais vereadores de que a experiência que Tony tem não deve ficar restrita somente na CMU. Ressaltou sua simplicidade e disse estar orgulhoso de ter compartilhado com ele neste parlamento.
O vereador Edmilson Ferreira de Paula (PRTB) parabenizou pela trajetória política de Tony Carlos. Disse que conheceu aqui, neste parlamento, uma pessoa digna e responsável.
O Presidente Elmar Goulart (PSL) lamentou o falecimento do deputado José Henrique e desejou ao Tony Carlos o mesmo sucesso que sempre teve na CMU na Assembleia Legislativa, e que lá irá fazer a diferença, não só durante as reuniões plenárias, mas em todo o estado de MG. “Uberaba perde um grande vereador, o prefeito perde um grande líder, mas Minas ganha um grande deputado estadual”, destacou.
Na tribuna Tony Carlos iniciou seu pronunciamento dizendo que não pode deixar de lamentar a morte do deputado José Henrique, que foi um deputado que mais brigou pela saúde de MG. “Diz o ditado: os bons vão mais cedo”, e ele foi com apenas 56 anos de idade, ressaltou. Quanto à vinda de Denise Max, Tony disse que neste plenário já estava passando a hora de ter uma mulher vereadora, para suprir essa falta no processo político. Disse que se emocionou com todos os pronunciamentos feitos pelos vereadores presentes. Se dirigiu ao vereador Edmilson dizendo que ele conquistou os corações dos uberabenses. Ficou feliz com as palavras do Kaká Se Liga, pessoa que sempre acreditou que um dia estaria sentado numa destas cadeiras de vereador. Ao vereador Ripposati, elogiou sua inteligência, companheirismo e seriedade e que irá levar para a ALMG um pouco da sua sabedoria. Ao vereador Samuel, ressaltou que sempre disse que era um homem de Deus, um anjo da guarda maravilhoso e que tem a humildade de pedir desculpas quando é preciso. Quanto ao vereador Dutra, reconheceu que suas palavras foram do fundo do coração e que se emocionou. Disse que não esperava ser merecedor de tão calorosa homenagem.
Tony Carlos não deixou de ressaltar a gratidão pela ex-vereadora Teresinha Cartafina, representada nesta Casa pelo seu neto Franco Cartafina, pois, segundo Tony, ele, Lerin e Almir, foram suas ‘crias’ enquanto guarda mirim, que ensinou a trilhar o caminha da vida pública.
Rendeu seus agradecimentos também ao Presidente Elmar que, se hoje é formado jornalista foi graças às bolsas de estudos que ganhou do vereador em épocas passadas, quando o vereador podia beneficiar com uma bolsa de estudo quem precisava.
Ressaltou que na história da CMU “este parlamento já fez três deputados estaduais: Eurípedes Craide, possuidor de maior número de mandatos na Assembleia, Lerin e agora eu”. Finalizou agradecendo primeiramente a sua mãe, aos funcionários da CMU e a imprensa de Uberaba.
O jornalista Walter Farnezi usou a tribuna para pedir ao futuro deputado estadual Tony Carlos que interceda junto à Câmara dos Deputados para o retorno da exigência do diploma de curso superior para o jornalista e banir das redações jornalísticas aqueles que não passaram pelos bancos da faculdade.

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020