Calçadão
Vereadores debatem com comerciantes sobre a obra

Durante a sessão plenária de ontem, os vereadores discutiram sobre a proposta de ampliação do calçadão da rua Artur Machado. Os comerciantes Rita de Cássia Vilas Boas e Cleiton, participaram da reunião. Ela representando comerciantes do 2º, 3º e 4º quarteirões, e ele representante do ‘camelódromo’ que fica no 5º quarteirão. O vereador João Gilberto Ripposati, que tem acompanhado as discussões, participado de reuniões, informou no plenário, que encaminhou a prefeitura uma abaixo assinado, manifestando a opinião de comerciantes que são contra a ampliação do calçadão até a Avenida Presidente Vargas. “O município apresentou a proposta, os comerciantes concordaram com alguns pontos e no que diz respeito à ampliação do calçadão não. Por isso fizeram o abaixo-assinado que protocolei na prefeitura. Acho a situação complexa e deve ser mais bem debatida”, explicou.
Atento as questões de desenvolvimento, o vereador Luiz Humberto Dutra, avaliou que a ampliação será inevitável, a exemplo de grandes cidades, como por exemplo, Ribeirão Preto, Campinas e também outros municípios como Frutal. “Nestes locais o calçadão tem dado certo e o movimento nas lojas aumentaram depois da adoção. Acho que o tema deve ser debatido, mas futuramente, acho que ampliar o calçadão será natural”, destacou.
Em contato com a prefeitura, o vereador Antônio Carlos Silva Nunes, o Tony Carlos, explicou que o secretário de Planejamento, Karim Abud Maud apresentaria outro projeto ao prefeito, destacando a revitalização do atual calçadão e a construção de um no 5º quarteirão.
O vereador líder do prefeito, Cléber Cabeludo mostrou preocupação com o trânsito. Para ele o fechamento da rua Artur Machado congestionará ainda mais o centro da cidade. Já o presidente da Casa, vereador Lourival dos Santos, afirmou que a prefeitura deveria implantar no local, permanentemente, a mudanças ocorridas no período natalino, permitindo o estacionamento em ambos os lados da via.
Os vereadores foram unânimes ao lembrar que discussão deve continuar para garantir a lisura da proposta. Eles também lembraram que, em caso de fazer a ampliação, a prefeitura terá que garantir local para estacionamento.

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020