Vereadores prestigiam entrega de casas no Parque dos Girassóis
 
Presidente da Câmara Municipal, vereador Luiz Dutra (PDT), e vereadores João Gilberto Ripposati (PSDB), Jorge Ferreira (PMN), José Severino (PT) e Samuel Pereira (PR) participaram da entrega das 246 moradias, pelo programa Minha Casa Minha Vida (MCMV), no Residencial Parque dos Girassóis I. Além deles, prefeito Anderson Adauto (PMDB), presidente da Companhia Habitacional do Vale do Rio Grande (Cohagra), Samir Cecílio, deputados e vice-presidente da Caixa Econômica Federal, José Urbano Duarte, estiveram presentes na solenidade.
 
Dutra, que iniciou todo o trabalho de construção de casas populares quando presidente da Cohagra em 2005, parabenizou a atuação da atual equipe da autarquia. “Na época, os recursos eram poucos, não contávamos com o Programa Minha Casa Minha Vida, mas, ainda assim, conseguimos construir cerca de duas mil casas”, ressaltou. O presidente também destacou a importância do legislativo em todo o processo, haja vista que, para as ações se concretizarem, é preciso haver sintonia entre os poderes.
 
Vereador João Gilberto Ripposati (PSDB) fez coro com o pedetista, lembrando que a discussão para implantação de projetos nos moldes do MCMV começou em 2003, e, hoje, já é possível ver tanto resultados. Contudo, o parlamentar destacou que, apesar da importância social e êxito do programa, é preciso incrementá-lo para que melhore cada vez mais. “Estou lutando junto com o governo federal para que os empreendimentos futuros sejam contemplados com escola, creche, unidades de saúde e de segurança pública desde sua fundação”, salientou.
 
Já o petista, José Severino Rosa, parabenizou todos que trabalharam para que o evento acontecesse. Ele também destacou o compromisso de Lula – que iniciou o programa MCMV, e que continua no governo de Dilma –, que tirou centenas de brasileiros do aluguel. Com a mesma opinião, vereador Jorge Ferreira (PMN) acrescentou que, com certeza, este será o melhor Natal de muitas dessas famílias que conquistaram a casa própria.
 
AA, por sua vez, agradeceu à CEF pela parceria no projeto, bem como anunciou a realização de novos investimentos com recursos do governo federal. “A Caixa se comportou muito mais como um banco social do que como um banco simplesmente”. Na ocasião, ele também explicou sobre o processo de construção do bairro que se inicia com a chegada dos moradores. Aos poucos, Posto Policial, PSF, creches e escolas deverão ser instalados, garantindo cada vez mais segurança e conforto à região.
 
À frente da Cohagra, Samir, por sua vez, explicou que, “as coisas não acontecem por acaso, mas quando há garra e determinação”, destacando o empenho de toda a equipe na concretização de mais um empreendimento. Para Urbano, se o programa continuar seguindo o mesmo ritmo de evolução – durante sua implantação, houve aumento da previsão de uma para duas milhões de casas a serem construídas, além da facilidade para a aquisição dos imóveis pelas mulheres, por exemplo – em breve será possível acabar com o déficit habitacional de todo o país.   
 
Com área privativa de 40 m2, as casas possuem dois quartos, cozinha, sala e banheiro. Além disso, são equipadas com sistema de aquecimento solar, possibilitando uma economia de 30% na conta de energia. Das 246 casas, 39 são adaptadas a portadores de necessidades especiais.

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020