Vereadores votam aumento de cadeiras em primeiro turno
Para o exercício de 2013, o número de vereadores passará para 21. O projeto de emenda à Lei Orgânica que prevê a alteração foi aprovado em primeiro turno com dois votos contra: dos vereadores Marcelo Machado Borges (DEM) e Jorge Ferreira (PMN). Segundo o presidente Luiz Dutra (PDT), é preciso muito planejamento e discussão. “Sei que há muita pressão sobre a questão das verbas, por isso precisamos de muito planejamento para que quem for presidente não tenha dificuldade de conduzir os trabalhos”, disse. 
Dutra lembrou que o aumento no número de vereadores acarretará na redução do número de assessores. Dessa forma, segundo o vereador profº Godoy (PTB), será preciso rever toda a estrutura de trabalho da casa, já que o duodécimo continuará o mesmo, ou seja, 6%. João Gilberto Ripposati (PSDB) concordou com o professor e ressaltou que a cidade está em pleno desenvolvimento. “É uma oportunidade de, diante disso, proporcionar a representatividade. É necessária uma readequação e a solução realmente é a redução de assessores e valorização dos nossos servidores”, disse. 
Os vereadores Itamar Ribeiro (DEM), Afrânio Resende (PP) e José Severino (PT) apontaram uma maior representatividade do povo como o destaque em relação ao aumento de cadeiras na casa já que está totalmente ligada ao número populacional. A alteração segue a Lei aprovada em 2009 pelo Congresso Nacional que redefine o número máximo de vereadores de acordo com a população do município. Com a medida, Uberaba, que segundo o IBGE tem 299,6 mil habitantes, poder ampliar o número de vereadores para até 21. 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020