Almir pede proibição de pulseira nas escolas

A preocupação com as noticias de violência contra crianças e adolescentes, motivada pelo uso de pulseiras de silicone, denominadas de “pulseira do sexo”, fez com o vereador Almir Silva, durante pronunciamento no plenário, solicitasse a proibição nas instituições educacionais deste assessório. De acordo com as informações, a pulseira funciona da seguinte maneira: as meninas colocam diversas pulseiras de silicone coloridas no braço e os meninos tentam rebentá-las. Cada cor representa um “carinho” que vai desde um abraço até o sexo propriamente dito. Sendo assim, quem arrebentar o assessório, ganha o “prêmio” da dona da pulseira.
“Isso é um absurdo, pois uma pulseira utilizada por crianças, que parece um acessório inocente, se tornou um código para experiências sexuais. E infelizmente, a moda pegou e centenas de crianças estão usando, visto que o preço é irrisório. É necessário tomar medidas urgentes e preventivas para não termos os mesmos problemas ocorridos em outros Estados, onde crianças estão sofrendo violência, e segundo as autoridades é devido a esta pulseira”, destacou.
Almir explicou ainda que estuda a possibilidade de apresentar um projeto de Lei, nos moldes dos aprovados nas cidades de Navegantes (SC) e Várzea Grande (MT), onde os vereadores autores, proibiram o uso das “pulseiras do sexo” nas escolas da rede municipal da cidade. Outra ação, segundo o vereador, caso não seja possível apresentar a matéria, é solicitar ao Secretário de Educação, Marcos Juliano Bordon, que oriente as diretoras a inibir o uso do acessório, bem como oriente os pais dos alunos sobre o risco a que as crianças estão expostas.
Restaurante Popular – Ainda durante seu tempo de explicação pessoal, o vereador Almir falou sobre a possibilidade de o município vir a ser contemplado com um Resturante Popular, visto que após várias gestões de sua iniciativa, a prefeitura, através da Secretária de Desenvolvimento Social, encaminhou a documentação necessária para o governo federal.
Infraestrutura – Outra reivindicação de sua autoria, atendida pelo prefeito Anderson Adauto, diz respeito a melhorias no trânsito, ocorridas nos bairros Santa Maria, na Avenida Afrânio de Azevedo com Rua Goiás. O local que registrava um grande número de acidentes, foi alvo de solicitação de Almir, pedindo adequações no trânsito. Esta semana, as adequações estão sendo feitas, com vista à dar mais segurança aos pedestres e motoristas.

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020