A Câmara Municipal prestou uma homenagem aos policiais militares que realizaram as prisões de suspeitos de envolvimento na explosão de caixas eletrônicos instalados no Hospital de Clínicas da UFTM, em julho do ano passado. A iniciativa de fazer a Moção de Aplausos foi do vereador Edcarlo dos Santos Carneiro “Kaká Se Liga” (PSL), assinada também pelos vereadores Franco Cartafina (PRB), Elmar Goulart (PMN), Samuel Pereira (PR), Samir Cecílio (PSDB) e Luiz Dutra (PMDB).

Estavam presentes na solenidade, realizada no Plenário da Câmara Municipal, o secretário Executivo do Conselho Municipal de Segurança, Emanuel Kappel, representando o prefeito Paulo Piau, o sub-comandante do 4º BPM, major Anderson Clayton Borges, e o comandante da 147ª Companhia Tático Móvel, capitão Anderson Santos. 

Os policiais homenageados fazem parte do Grupo Especializado em Prevenção Motorizada Ostensiva (GEPMOR)/147ª Companhia Tático Móvel do 4º BPM. São eles o cabo Hélcio Pereira Cornélio, o cabo Ronaldo de Paula Oliveira e o soldado Leandro Henrique Silva Pacheco.

A explosão dos quatro caixas eletrônicos instalados dentro do Hospital de Clínicas aconteceu na madrugada do dia 9 de julho de 2015. O vereador “Kaká” lembrou que apesar dos danos, felizmente ninguém se feriu.

Na ocasião os policiais prenderam o casal de suspeitos, com os quais apreenderam armas de fogo (duas pistolas), munições, drogas, entre outros objetos. O vereador comentou que o trabalho dos militares é diário, em um momento em que a cidade sofre com a violência. 

O presidente Luiz Dutra afirmou esperar que a segurança pública consiga continuar combatendo a violência, oferecendo mais qualidade de vida para a população.

O capitão Anderson falou em nome dos policiais e destacou a formação familiar de cada policial, com educação responsabilidade, patriotismo e religiosidade. Ele prestou o reconhecimento a estas famílias que, segundo ele, souberam criar e honrar seus filhos, que hoje são grandes homens e profissionais. Em nome do comandante do 4º BPM, ele agradeceu a honraria recebida pelos policiais militares.

O sub-comandante Clayton também agradeceu a homenagem, especialmente ao vereador “Kaká”. De acordo com ele, as pessoas não sabem o valor que tem este reconhecimento. “A questão da segurança pública não passa apenas pela PM, que apenas faz parte do sistema, e muitas vezes é responsabilizada pelos problemas e o reconhecimento dos serviços prestados é muito importante”, afirmou Clayton.

Para o secretário Kappel, as polícias Civil e Militar de Uberaba têm desenvolvido um trabalho muito acima de suas capacidades operacionais, apesar de que a impunidade tem contribuído para piorar a situação, assim como questões sociais. “Precisamos enquanto brasileiros de ter esta cultura de homenagear policiais, que dão a vida para proteger a população, e estão rotineiramente nas ruas, a mercê da sorte”, disse Kappel, que parabenizou a iniciativa da Câmara, através do vereador “Kaká”.

O presidente Dutra encerrou a solenidade afirmando conhecer muito bem o que é fazer segurança pública, representando o Estado e não as pessoas. “O policial deve cumprir suas funções”, afirmou.

Segundo Dutra, fica a gratidão pelo trabalho que os policiais exercem na corporação, fazendo valer os direitos dos cidadãos, mesmo com baixos salários, pouca tecnologia e um efetivo aquém do necessário.

 

Jorn. Hedi Lamar Marques
Departamento de Comunicação CMU
26/02/2016

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020