Kaká Carneiro representou contra a Triunfo Concebra por quebra de contrato junto ao Ministério Público Federal.

 

A representação, protocolada nesta terça-feira (4), aponta uma série de benfeitorias contratuais que não foram realizadas pela concessionária. 

 

Entre elas destaca-se a não duplicação da BR-262 – trecho compreendido do entroncamento da BR-153 até Nova Serrana. Após cinco anos de contrato, o serviço não foi executado. A Triunfo Concebra também deveria realizar uma serie de melhorias em sinalização e cobertura asfáltica. "Ocorre que a realidade é bem diferente da previsão contratual. Não há sinalização suficiente e boa parte do asfalto está em péssimas condições, o que dificulta a trafegabilidade dos veículos", destaca o vereador na representação.

 

Kaká Carneiro ainda aponta a ilegalidade no reajuste no valor do pedágio, confirmado no dia 26 de junho por meio de uma resolução publicada no Diário Oficial da União. O aumento, segundo o vereador, pegou todos usuários de surpresa pois passou a valer no dia seguinte a publicação.

 

Na sessão desta terça-feira (4), Kaká Carneiro se posicionou sobre a representação protocolada junto ao MPF e recebeu apoio dos demais colegas de Plenário.

 

 

Daniela Brito
jornalista

 

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020