Precariedade do Parque do Jacarandá preocupa Itamar

 

A falta de uma estrutura adequada e o desleixo do Parque do Jacarandá (Zoológico Municipal) foi alvo de questionamento e cobrança do vereador Itamar Ribeiro de Rezende (DEM). Através do requerimento 0781, o vereador questionou a poda e corte de árvores nativas, bem como pede cópia da documentação do IBAMA, autorizando este trabalho. Na indicação 1680, o vereador solicita também várias benfeitorias para o parque.
Entre as ações reivindicadas estão à reforma e manutenção da estrutura, limpeza, obras de acessibilidade e placas informativas sobre a fauna e flora existente no local. Junto ao documento, Itamar anexou e-mail encaminhado pelo cidadão Israel Garcez, apontando várias deficiências do parque, bom como registrando os problemas com fotos, que também foram incluídas na indicação e encaminhadas a prefeitura. O vereador recebeu apoio dos vereadores Lerin e Samuel em suas reivindicações.
Recursos – Também através de requerimento, Itamar faz uma série de questionamentos a cerca de recursos oriundos de convênios. No requerimento 0773, ele quer saber sobre a premiação da ANA (Agência Nacional de Águas), no valor de R$ 8.150.000,00, para o Codau, sobre o projeto da Estação Francisco Veludo (ETE-Rio Uberaba), classificado em 1º lugar, através de contrato que confere a eficiência da estação. “Quero a cópia da documentação, o valor e o número de parcelas liberadas, bem como explicações de como foram aplicados esses recursos e os documentos comprobatórios. Também solicitei a cópia da certificação e aferição da ANA. É um montante significativo e a população tem que estar a par desta situação, para verificar onde e como o recurso foi aplicado”, destacou o vereador.
Convênios – O vereador Itamar ainda solicitou informações sobre convênio da municipalidade. Ele requereu dados sobre dois contratos específicos. O primeiro no valor de R$ 1.940.000,00, celebrado pelo Codau/Fhidro, referente a implantação de emissário e estação elevatória São Bento, com repasse liberado em 03 de setembro de 2009. O outro convênio, também celebrado pelo Codau/Fhidro, foi no valor de R$ 192.500,00, referente a desinfecção do efluente tratado da ETE Uberaba, publicado em 21 de julho de 2009. Do primeiro Itamar solicita cópia do processo licitatório e do segundo contrato questiona a ausência deste procedimento, bem como reivindica a cópia do convênio.

CÂMARA MUNICIPAL DE UBERABA - TODOS OS DIREITOS RESERVADOS 2020